“Exército preferiu risco da insubordinação ao de uma crise sem precedentes”, afirma especialista

O professor de Relações Internacionais da ESPM Gunther Rudzit, especialista em Segurança Nacional, avaliou hoje que a imagem das Forças Armadas ficou arranhada com a decisão do Exército de não aplicar nenhuma punição ao general Eduardo Pazuello, por participar de um ato político com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), no Rio de Janeiro no último dia 23. O processo disciplinar foi arquivado. “Com certeza a imagem principalmente do Exército, mas das Forças Armadas saiu arranhada desse episódio”, disse ele, durante participação no UOL News.
#UOLNews
————————-
Bem-vindo ao canal do UOL no YouTube. Aqui você encontra notícias direto da redação, tudo sobre política, matérias especiais e o melhor do mundo do entretenimento.

** INSCREVA-SE NO CANAL: http://bit.ly/2xolCQ2

Categorias

Compartilhe nossas redes sociais.

Cartão de Visita Interativo

Apps | SEO | Web Design

Seu novo “Apê” está aqui !

Aplicativo Delivery Multi Loja

Site + Aplicativo para Imobiliárias e Corretores

Site + Aplicativo para Empresas de Ar Condicionado

Site + Aplicativo para Hóteis e Pousadas

Site + Aplicativo para Agência de Veículos

Site + Aplicativo para Rifas e Sorteios Online

Assine nosso Vlog e receba nossas postagens por e-mail: