Mistura de doses parece ser positiva e dar reforço de anticorpos, explica ex-presidente da Anvisa

Gonzalo Vecina Neto, médico sanitarista e ex-presidente da Anvisa, avaliou hoje a decisão de estados em misturar imunizantes de diferentes fabricantes para aplicação da 2ª dose da vacina contra a covid-19. Com falta de doses da AstraZeneca, há autorização para que as pessoas imunizadas com a vacina da 1ª dose recebem agora o imunizante da Pfizer, para garantir que o ciclo vacinal seja concluído sem maiores atrasos. Na análise de Vecina, a mistura é positiva e pode conferir um reforço na produção de anticorpos.

#UOLNews
————————-
Bem-vindo ao Canal UOL! Acompanhe a programação ao vivo e todos os contéudos com as principais notícias do dia, opinião de colunistas e entrevistas exclusivas sobre os temas mais importantes do momento

** INSCREVA-SE NO CANAL E ATIVE AS NOTIFICAÇÕES:
http://bit.ly/2xolCQ2

Categorias

Compartilhe nossas redes sociais.

Cartão de Visita Interativo

Apps | SEO | Web Design

Seu novo “Apê” está aqui !

Aplicativo Delivery Multi Loja

Site + Aplicativo para Imobiliárias e Corretores

Site + Aplicativo para Empresas de Ar Condicionado

Site + Aplicativo para Hóteis e Pousadas

Site + Aplicativo para Agência de Veículos

Site + Aplicativo para Rifas e Sorteios Online

Assine nosso Vlog e receba nossas postagens por e-mail: